BOLSONARO VISITARÁ O NORDESTE E VAI SOBREVOAR OBRAS DA TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO

O Palácio do Planalto confirmou a agenda que o presidente Bolsonaro terá em Pernambuco, em duas semanas, no mesmo dia em que o presidente recebeu governadores do Nordeste, majoritariamente de oposição. De acordo com o porta-voz da Presidência, o presidente virá visitar a Sudene, deve fazer sobrevoo nas obras da transposição e ainda visitar a fábrica da Fiat, em Goiana. No Recife, Bolsonaro deve participar da reunião da Sudene no dia 24 de maio, uma sexta-feira.
“Extinta” no governo FHC sob acusação de ser usada para fraudes com dinheiro público e incentivos fiscais, a autarquia federal foi ‘recriada’ pelo ex-presidente Lula, em um simbolismo do petismo junto ao Nordeste. Na quinta-feira (23), o presidente deve sobrevoar a transposição do São Francisco e deve ter uma visita à fábrica da Fiat, na zona da Mata norte de Pernambuco.
De partidos de oposição a Jair Bolsonaro (PSL), os governadores do Nordeste se reuniram pela primeira vez com o presidente, na última quinta-feira (09), em Brasília. Os gestores entregaram uma carta, em que fizeram pedidos de recursos para a educação e a retomada de obras na região. Um dos pontos citados é o corte de recursos de universidades e institutos federais.
Em entrevista após a reunião, o governador do Piauí, Wellington Dias (PT), afirmou que o bloqueio traz um prejuízo principalmente para o Nordeste. “Colocamos a importância de na hora das dificuldades garantir aquilo que pelo menos estava programado em relação às universidades”, disse o petista.
Redação Blog com informações Romualdo de Souza

Nenhum comentário:

Regras do site
Não serão aceitos comentários que:
1. Excedam 500 caracteres com espaço;
2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;
4. Não tenham relação com a nota publicada pelo site.
Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.

Tecnologia do Blogger.