Polícia erradica roça de maconha, apreende cocaína e prende dois no norte da Bahia

Guarnições do 20° Batalhão da Polícia Militar (BPM/Paulo Afonso) localizaram, nesta quarta-feira (8), uma roça de maconha no município de Abaré, norte da Bahia, graças a uma denúncia anônima. Já em Paulo Afonso, na terça-feira, a mesma unidade capturou dois homens acusados de tráfico de drogas. Com eles foram encontrados 40 pinos de cocaína e uma porção de maconha, além de dois celulares, sete relógios e R$ 51 em espécie.
A plantação ilícita foi encontrada na localidade de Pambu, em Abaré. De acordo com as guarnições, aproximadamente mil pés de 90 cm a 1,20 cm de maconha, 1500 covas prontas para plantação e 438 mudas da planta foram localizadas e destruídas.
Os criminosos, que cultivavam e vigiavam a plantação, conseguiram escapar quando perceberam a aproximação da PM. A plantação foi arrancada e queimada logo em seguida, e uma amostra foi apresentada à Delegacia Territorial de Abaré.
Tráfico de drogas
Diego Estefânio dos Santos, 29 anos, e Juliano Alves Ferreira, 26, foram presos na Vila Corrô, bairro Centenário, em Paulo Afonso, após denúncias de realizadas pela população. Com eles foram encontrados 40 pinos de cocaína, uma porção de maconha, além de celulares e dinheiro. Ambos foram autuados por tráfico de drogas e conduzidos até a Delegacia Territorial de Paulo Afonso.   Fonte Carlos Britto

Nenhum comentário:

Regras do site
Não serão aceitos comentários que:
1. Excedam 500 caracteres com espaço;
2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;
4. Não tenham relação com a nota publicada pelo site.
Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.

Tecnologia do Blogger.